Dolce & Gabbana para Muçulmanas

Beauty

A grife italiana Dolce & Gabbana acaba de anunciar sua primeira linha voltada ao público feminino muçulmano. Que diga-se de passagem, a dupla teve uma sacada muito boa. Sabemos que em muitos países árabes, o mercado de luxo só aumenta - como Dubai, mas ainda poucas são as opções para o público feminino, que em sua maioria, cobrem o corpo quase que por completo com suas vestimentas típicas.

Vitrine |Festas

Fashion

Dezembro começou, e é incrível como com ele vem um clima mágico de festas de fim de ano.

E dando uma navegada pela web - e pelas lojas do exterior recentemente, decidi trazer algumas vitrines temáticas pra lá de inspiradoras.

E a pochete, vai encarar?

Fashion

Símbolo máximo dos anos 80 e sua moda altamente “brega” nos olhos de hoje, as pochetes ainda estão criando muito receio ao aparecer nas passarelas e campanhas de grandes grifes das últimas temporadas.

Você quer ser espectador ou transformador?

Beauty

Discutindo um pouco mais sobre o comportamento humano, há uma pergunta que sempre me vem à cabeça, quando ando pelas ruas e começo a observar ao meu redor: Por que somos tão diferentes, na maneira de ver o mundo?

Customizar é a nova Moda!

Fashion

Grifes apostam na customização a fim de garantir exclusividade
aos seus clientes "um tanto" exigentes.

No mundo imerso em marketing e tecnologia que vivemos, as informações circulam de maneira extraordinariamente rápidas. E talvez este seja um dos motivos que está fazendo com que as grandes maisons do luxo estejam vendendo como nunca seus artigos, por maiores que sejam seus tickets.

Socorro! Eu não nasci para ser fitness!

Beauty

Os eternos inadaptados ao mundo da academia e da boa forma.

Ei, você! Você que passou cerca de 15 anos da sua vida fugindo das aulas de educação física. Enfermaria, cantina, banheiro, qualquer escapatória era válida. Você, que quando não conseguia fugir, era sempre o último a ser escolhido para compor as equipes para jogar bola.

A Incrível Geração de Mulheres (..)

Beauty

Às vezes me flagro imaginando um homem hipotético que descreva assim a mulher dos seus sonhos: “Ela tem que trabalhar e estudar muito, ter uma caixa de e-mails sempre lotada. Os pés devem ter calos e bolhas porque ela anda muito com sapatos de salto, pra lá e pra cá.